A Comunidade está de cara nova!
Atividades
  • Favoritos
  • Tags
  • Notificações
Nenhum artigo favorito

Nossa profissão exige conhecimento

Nossa profissão exige conhecimento
Lucia Ramos
jul. 4 - 3 min de leitura
8 Curtidas
7 Comentários
0

Quando recebemos uma cliente em nosso salão, sabemos hoje identificar a cor cosmética que ela tem, a quantidade de brancos de natural e já conseguimos entregar a cor de desejo. Porém nosso conhecimento tem que ser mais aprofundado, temos  que ter as respostas quando somos questionadas (os) pela cliente do porquê o cabelo cai, o porque o cabelo dela nunca cresce, porque a cor não dura, porque o cabelo está ressecado, e por aí vai, imagina você só dizendo ....eu não sei, não sei, não é nenhum pouco profissional isso.

Precisamos  entender sobre a estrutura interna do fio, saber como é sua formação, e entender que nós tratamos de células mortas, isso mesmo, depois que o fio sai e tem contato com atmosfera é considerado uma célula morta.

Nesse momento precisamos atentar ao fato de que como profissionais cabeleireiro tratamos apenas os fios, não somos médicos para tratar doença do couro cabeludo.

Muitos profissionais acabam querendo fazer com que a cliente faça uso de algum tônico que ele acha que terá algum benefício, logo que ele detectou algo de anormal no couro cabeludo (vermelhidão ou coceira), algo do tipo, e isso pode prejudicar muito um tratamento de algo que pode ser muito sério, então NÃO, nós não somos médicos, a conduta correta é indicar o mais rápido possível ao verificarmos algo anormal para que ela procure um Dermatologista/Tricologista, esse sim é um profissional qualificado para essa área.

O que cabe a nós é entendermos a melhor forma de tratar os fios, e nesse sentido passar as informações claras a nossa cliente do que ela precisa fazer para após ter passado por processos químicos que envolvem cor, alisamentos, ou até mesmo desgastes do dia a dia como sol e prancha, os melhores produtos para que a saúde dos fios se mantenha.

Um ponto muito importante a salientar também é que a todo momento a mídia vende a ideia de que ótimos produtos e com um preço bem baixo estão ali na prateleira dos supermercados e farmácias, e nós temos que ter o conhecimento em Cosmetologia para poder ajudá-las a entender o porquê isso não é verdade, de uma forma bem simples basta falarmos que nosso cabelo tem um pH entre 4.5 a 5.5 e esses produtos (shampoos) tem pH de 6 até 9, é muita agressão diária aos fios.

É nessa hora que você deve ter em seu salão uma boa linha profissional para usar e indicar como home care, para que ela perceba o diferencial, entre produtos profissionais e de mercado, a qualidade.

Quando nos tornamos profissionais cabeleireiros não somos apenas aquele que corta, escova ou faz cor, somos também mestres em conhecimento, em ajudar nas melhores escolhas, nossa opinião ajuda muito.

Temos que ir em busca de novas sim, porém temos que ter também todo um comprometimento em manter cativa as mesmas clientes satisfeitas por muito tempo.

Lucia Ramos.

Cabelereira/Colorimetrista

 

Me sigam para mais conteúdos

Lucia.ramos.hair

 


Denunciar publicação
8 Curtidas
7 Comentários
0
0 respostas

Indicados para você


Educadores da Beleza - Comunidade de Colorimetria Avançada

Verifique as políticas de Privacidade e Termos de uso

A Squid é uma empresa Locaweb.
Todos os direitos reservados.