[ editar artigo]

Manusear produtos químicos priorizando segurança e saúde

Manusear produtos químicos priorizando segurança e saúde

Embora a maioria dos agentes químicos do salão não sejam nocivos, é importante saber como trabalhar com segurança com aqueles que são. 

É possível trabalhar com segurança com agentes químicos potencialmente perigosos se o profissional ler a literatura e seguir as regras de segurança para sua manipulação.

Nós cabeleireiros somos responsáveis pelo uso apropriado e manuseio seguro dos produtos que usamos. Um produto que normalmente é seguro pode se tornar perigoso se usado de forma incorreta.

Um exemplo, é o armazenamento incorreto do  peróxido de hidrogênio que estando em embalagem metálica fechada pode causar uma explosão.

Por isso, o Padrão de Comunicação de Perigos OSHA (sigla em inglês para Administração de Segurança e Saúde ocupacional dos EUA) exige que os fabricantes relacionem as informações específicas sobre a segurança de produtos em formulários especiais, denominados FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS (FISPQ). O distribuidor local de produtos de beleza deve fornecer as FISPQs dos produtos que o salão adquire. O empregador é responsável por manter essas fichas disponíveis para consulta. 

Entender as FISPQs é tão importante quanto aprender as últimas técnicas de estilo.

Uma FISPQ inclui as seguintes informações:

- Ingredientes potencialmente nocivos encontrados em cada produto.

- Formas de armazenamento apropriado e manuseio de produtos químicos com segurança.

- Formas de prevenção da penetração de químicos nocivos no corpo.

- Efeitos a curto e longos prazos da exposição em excesso.

- Sinais de alerta precoces da exposição em excesso.

- Procedimentos emergenciais de primeiros socorros.

- Técnicas seguras de manuseio.

As FISPQs ensinam como trabalhar com segurança e evitar riscos. Saber que um agente químico pode causar doenças, é tão importante quanto evitar a exposição a tal agente.

Os produtos químicos usados no salão deverão ser manipulados com cautela e seguindo as instruções do fabricante. Cuidados extras devem ser tomados ao misturar produtos. A mistura de alguns produtos pode causar reações químicas perigosas e indesejadas. Antes de fazer qualquer mistura leia os rótulos dos produtos cuidadosamente.

É importante lembrar de que os neutralizantes de produtos para alisamentos e permanentes são agentes oxidantes, que contém peróxido de hidrogênio. Se adicionar o produto ativador (tioglicolato) ao neutralizante por engano resultará em uma reação oxidante explosiva, violenta e exotérmica.

Quanto a nossa saúde, sempre devemos observar o nosso corpo, pois ele normalmente dá sinais de alerta quando produtos químicos estão sendo usados de forma abusiva. Diferentes químicos provocam sinais precoces diferentes.

A superexposição a alguns agentes químicos pode causar dores de cabeça, náusea, sensação de raiva e frustração, sangramento nasal, formigamento dos dedos, nariz e garganta secos e sensíveis, pele vermelha e irritada, coceira e muito outros sintomas. Sempre entenda e fique atento aos sintomas incomuns para evitar problemas sérios e a longo prazo.

Ter o hábito de estudar a literatura educacional do fabricante e aprender a usar os produtos corretamente e com segurança deixa o profissional e o cliente feliz, saudável e seguro.

Afinal, somos responsáveis por prevenir acidentes e proteger nossa saúde e a de nossos clientes.

 

 

 

Educadores da Beleza - Comunidade de Colorimetria Avançada
Ler conteúdo completo
Indicados para você