[ editar artigo]

Ativos agressivos presentes no shampoo e outros cosméticos

Ativos agressivos presentes no shampoo e outros cosméticos

Existem muitas campanhas e marcas de cosméticos que defendem o controle de uso dos Sulfatos, Parabenos e Petrolatos.

Mas você sabe o que são esses componentes?

SULFATOS

É uma espécie de sal usado para limpeza, para remover oleosidade e para fazer espuma. Funciona como um espessante, cria volume no produto além de ter um custo baixo para as empresas. Em altas concentrações pode ressecar demais o cabelo e a pele, prejudicando o manto lipídico do couro cabeludo e deixando os fios extremamente porosos.

PARABENOS

São conservantes químicos que combatem bactérias e fungos. Podem causar alergias, coceiras, escamações.

Estudos já comprovaram que levam ao aumento de níveis de estrogênio no organismo, o que pode trazer riscos à saúde como miomas uterinos, câncer de mama, endometriose, menstruação irregular entre outros.

Aplicado no couro cabeludo pode inibir a produção de colágeno e levar ao envelhecimento precoce.

PETROLATOS

São componentes derivados de petróleo. Podem vir descritos no rótulo como: Petróleo Liquefeito, Petrolatum, Parafina Líquida, Óleo Mineral, Vaselina ou Óleo de Parafina.

São altamente emolientes. Dão a sensação tátil de cabelo super molinho, fazem um "filme protetor" que não deixam perder hidratação dos cabelos e pele. Inclusive usam este termo para vender mais, porém não quer dizer que estejam realmente tratando, somente mascaram um cabelo que necessita de cuidados reais como nutrição, reconstrução e hidratação.

Com muito tempo de uso podem deixar os cabelos pesados, ás vezes até quebradiços por não terem recebido o tratamento que realmente necessitavam.

O acúmulo de resíduos no couro cabeludo podem causar obstrução do folículo piloso comprometendo a haste capilar.

Educadores da Beleza - Comunidade de Colorimetria Avançada
Ler conteúdo completo
Indicados para você